Imagem

A procura de parcerias.

LEVE ESTE EVENTO PARA SUA CIDADE!! APROVADO PELA LEI ROUANETBitmap em dia palhaço 2010...

out 28

A Criação

A Criação

Era uma vez um coringa chamado Abracadabra que tinha uma Cia. Teatral com o mesmo nome, seu nome Olney de Abreu recém-formado em direção teatral pela universidade do Rio de Janeiro.

A Cia. Teatral na época ia fazer uma intervenção no centro de São Paulo intitulada “A Arte pela Paz, O Dia do Palhaço”. A equipe de Olney foi divulgar o evento na Associação Brasileira de Empresários de Diversões que funcionava na Rua Dom José de Barros, 337 2° Andar, o presidente da associação era o Sr. Paulo Seyssel “palhaço Pimentão” pai do grande “Pimentinha” e irmão do famoso “Arrelia”, o vice-presidente da associação era o Sr. Novaes com quem mantínhamos contatos frequentes.

Ao chegar na associação Olney viu uma folhinha pendurada onde estava escrito “10 de Dezembro, Dia do Palhaço”, Olney perguntou ao Sr. Novaes sobre a data, ele relatou que fez a folhinha para distribuir para os associados, colocou 10 de dezembro como dia dos palhaços porque havia recebido um comunicado de uma associação de artistas mexicanos relatando que eles comemorariam este dia como Dia do Palhaço e pediram que a associação brasileira também o fizesse.  A Cia. Abracadabra desta data em diante começou a comemorar o dia com factoides na cidade de São Paulo.

Olney achou muito interessante porque 10 de Dezembro é o Dia da Carta Universal dos Direitos Humanos, desta química nasceu “O dia do Palhaço” que a Cia. Abracadabra acabou institucionalizando com ajuda de muitos artistas até se tornar o que é hoje, uma grande festa comemorada em todo Brasil.

O Projeto

Criado pela Cia Abracadabra em 1981, “O Dia do Palhaço” é um evento que, antes de tudo, tem como objetivo divulgar esta grande entidade, o palhaço, que é um dos personagens mais controvertidas do cenário artístico.

Mágico e atemporal, o palhaço nos encanta com sua graça, ao mesmo tempo fascina pela sua grandiosidade.

Mais informações com
Olney De Abreu (Palhaço Gargalhada) diretor da Cia. Abracadabra.

out 28

Edição de 1981


“Arte pela paz quebra a monotonia da cidade”

22 de dezembro de 1981 – Folha de São Paulo

“Piruetas e poesias num protesto contra a violência”
22 de dezembro de 1981 – Diário Popular

out 27

Edição de 1982


“Festa para o Dia do Palhaço”

Grupo organiza happening na praça, com artistas de circo e público.
11 de dezembro de 1982 – Folha de São Paulo

“O Dia do Palhaço”
Com festa na Praça da Sé, os artistas pedem mais espaço.
11 de dezembro de 1982 – O Estado de São Paulo

“Palhaçada na Praça da Sé”
11 de dezembro de 1982 – Diário Popular

out 25

Edição de 1983


“Entre Palhaços ”

Tarço de Castro – Caderno Ilustrada.
09 de dezembro de 1983 – Folha de São Paulo

“O riso contra a violência”
11 de dezembro de 1983 – Diário Popular

“Arrelia faz a festa do palhaço”
07 de dezembro de 1983 – Notícias Populares

“A festa de São Paulo para marcar o Dia do Palhaço”
10 de dezembro de 1983 – O Estado de São Paulo

out 24

Edição de 1991

“Não é fácil rir numa crise destas”
11 de dezembro de 1991 – Folha da Tarde

“Alegres, coloridos e irreverentes, os palhaços comemoram o seu dia”
11 de dezembro de 1991 – Jornal da Tarde

“Palhaços têm festa no seu dia”
Edgar Olímpio de Souza – Caderno Revista
11 de dezembro de 1991 – Diário Popular

“Praça da alegria”
11 de dezembro de 1991 – O Estado de São Paulo

out 23

Edição de 1992

“Maratona de humor e gargalhadas”
Leda Rosa – Caderno Revista

11 de dezembro de 1992 – Diário Popular

“Palhaço na praça”
11 de dezembro de 1992 – O Estado de São Paulo

out 22

Edição de 1993

“Palhaços festejam seu dia com brincadeiras”
11 de dezembro de 1993
Caderno Revista – Diário Popular

out 21

Edição de 1996


Evento comemorado dia 10 de Dezembro de 1996 na Praça da Sé com muita diversão, reprises de circo tradicional, show de malabares, equilibrismo, etc. Tudo para abrilhantar a festa que começou as 10hs e só terminou as 16hs.

out 20

Edição de 1999

“Criança Carente Aprende a arte de ser Palhaço”
Diário Popular – 11 de Dezembro de 1999

A iniciativa teve total apoio do professor Olney D’ Abreu, o palhaço Gargalhada, que promove o Dia do Palhaço
há 18 anos…..

” Hora de Ajudar”
O Estado de São Paulo – 5 de dezembro de 1999

O palhaço ensina a sorrir…

Posts mais antigos «